flores0002[1].gif14878.jpgType in the content of your new page here.
Gente não sei o que eu fiz mas acabei de apagar tudo que eu tinha feito na minha página! Mas vamos lá né?
Meu nome é Lisiane, trabalho há seis anos no município de São Leopoldo. Este ano estou pela primeira vez com uma turma de pré. Como trabalho quarenta horas e tenho substituição no meu outro cargo, este ano tive que assumir em outubro uma terceira série bastante problemática. Ah! Esqueci de dizer que trabalho no Morro do Paula, EMEF BENTO GONÇALVES, uma escola com cento e vinte alunos localizada em uma comunidade muito carente e com um grande índice de violência.
estou realizando ainda a leitura do livro solicitado e como eu já conhecia um pouco de Paulo Freire não estou surpresa com seus pensamentos e ideais sobre educação, pois concordo plenamente com o autor na questão do professor não ser um mero transmissor de conhecimento e sim um facilitador, para que o aluno possa construir sua própria aprendizagem. Infelizmente ainda vemos por aí muitos profissionais esperando de seus alunos respostas feitas. Espero pelo menos eu estar fazendo a minha parte, tentando contribuir para que meus alunos se tornem sujeitos de sua própria história e sejam capazes de atuar no mundo fazendo as mudanças necessárias para que tenham um futuro melhor.

Estou acabando a leitura do livro solicitado e gostei muito. Aborda as questões que perpassam em nossa mente no nosso dia-a-dia. Paulo Freire levanta questões como o papel do professor como facilitador de aprendizagem indo muito além da transmissão dos conhecimentos. O livro aborda a importância da nossa tão sonhada valorização profissional e da necessidade dos investimentos em recursos materiais que deveriam ser feitos em educação, infelizmente muitos municípios e estados ainda andam longe de atender a estes requisitos. São muitas coisas importantes, achei interessante a relação com os textos de Marx e Engels com a questão da educação estar relacionada à formação de indivíduos capazes de transformar realidades, colocando a educação reaslmente como fator social e o professor tendo a obrigação de ter uma postura ética e coerente, jamais podendo ser conformado com as situações adversas sociais.

Hoje dei uma lida na história do meu grupo e procurei fazer meus comentários. Achei bem legal essa maneira de trocar idéias, experiências e informações com os colegas de todos os pólos.
Ler Paulo Freire também valeu a pena suas idéias sobre educação são sem dúvidas revolucionáris e trazem o ideal de uma educação voltada para a cidadania e o socialismo, uma educação que forma indivíduos pensantes, prontos para atuar na sociedade.