013l.gif
Me chamo Dulce de Medeiros Boff Scheffer, 44 anos, moro em Lajeadinho no município de Três Cachoeiras.
Sou professora há 25 anos na Escola Estadual de Ensino Fundamental Nossa Senhora dos Navegantes, na mesma comunidade onde moro, com uma turma de 4ª série.
Hoje sou mais uma aluna da Ufrgs, e faço parte do pólo da minha cidade.
O PEAD é uma nova experiência na minha vida pessoal e profissional, no qual tem rendido bons resultados.
Tenho um blog pessoal onde registro o que venho aprendendo ao longo desta nossa caminhada.
A Pedagogia veio me trazer formas diferenciadas de crescimento na minha profissão.
As atividades propostas pelas interdisciplinas estão sendo muito enriquecedoras para o meu "ser professor".
Quando começamos falando de Paulo Freire, começamos a reavaliar a nossa prática e conseguimos rever o que estamos fazendo como mediadores entre o ato de ensinar-aprender.
Com a wikistória, fui me tornando cada vez mais aprendiz, pois aprendemos e ensinamos o que juntos descobrimos.
Como escreveu uma colega, Paulo Freire diz que: "A realidade não pode ser modificada senão quando o homem descobre que é modificável e que ele o pode fazer."
Assim somos nós professores, devemos ser mediadores de nossos alunos, precisamos acreditar que "a mudança é possível".
Devemos nos atualizar sempre e rever nossa prática também constantemente para podermos melhorar a educação e vislumbrar um futuro melhor para nós e nossos alunos.
Uma das salas que visitei foi lição de casa onde nos propomos, diante de tantas reflexões já feitas, pensar em como ser melhores enquanto educadores. Refletir os ensinamentos de Paulo Freire em nossa prática pedagógica está sendo uma atividade muito interessante e ao mesmo tempo, de grande crescimento profissional.
Se acreditamos na educação é porque, de uma forma ou de outra, somos beneficiados por ela.
Falamos de troca de saberes, e de que o professor não pode mais ser aquele que transmite conhecimentos, mas aquele que cria as possibilidades para a sua construção. Nas condições de verdadeira aprendizagem, os educandos e educadores vão se transformando em reais sujeitos da construção e reconstrução do saber ensinado.